sábado, 19 de março de 2011

Benfica: Ruben Amorim já faz corrida


Ruben Amorim foi a grande novidade no treino que o Benfica realizou este sábado, à porta fechada, no Seixal. O médio continua a recuperar de uma tendinose rotuliana bilateral, mas esta tarde já subiu ao relvado para fazer corrida. Depois das habituais sessões de tratamento e do trabalho que realizou no ginásio, Ruben juntou-se aos companheiros no relvado para fazer corrida.
Jorge Jesus prepara a visita ao campo do Paços de Ferreira, jogo da 24ª jornada marcado para a próxima segunda-feira. O Benfica volta a treinar este domingo, pela manhã, mais uma vez à porta fechada, antes do treinador fazer a habitual antevisão da partida

quinta-feira, 17 de março de 2011

Benfica nos «quartos» da Liga Europa

O Benfica empatou no terreno do Paris Saint-Germain (1-1), mas beneficiou da vitória na primeira mão (2-1) e está nos quartos-de-final da Liga Europa, para delírio dos milhares de adeptos portugueses presentes no Parque dos Príncipes.

O treinador Jorge Jesus apostou no melhor «onze», com Pablo Aimar a gerir o futebol ofensivo. Aos 27 minutos o Benfica inaugurou o marcador, com Gaitán a aproveitar o mau posicionamento do guarda-redes Édel, a rematar forte e a colocar a sua equipa em vantagem.

A resposta do clube parisiense surgiu aos 35 minutos, Bodmer, sem marcação na área do Benfica, recebeu a assistência de Erding e aplicou um forte remate, sem hipóteses para Roberto.

Na segunda parte, o Benfica controlou a bola, dispôs de boas oportunidades, por Cardozo e Saviola, mas não acertou no alvo. O mesmo sucedeu com o PSG, por Erding e Hoarou.

Com este resultado o Benfica é a primeira equipa portuguesa apurada para os quartos-de-final da Liga Europa. Resta agora saber se o FC Porto e o SC Braga vão seguir o mesmo caminho.

Clique aqui para consultar a ficha de jogo, as incidências da partida e os comentários dos leitores.

quarta-feira, 16 de março de 2011

David Luiz Chelsea - chamada / teaser para entrevista

Benfica parte para Paris sem Carole e Ruben Amorim


A comitiva do SL Benfica partiu esta manhã para Paris, onde defronta na próxima quinta-feira o PSG, em jogo a contar para a segunda mão dos oitavos de final da Liga Europa.

Sem o lesionado Ruben Amorim, a comitiva liderada por Rui Costa chegou esta manhã ao aeroporto de Lisboa em silêncio. O defesa esquerdo francês Carole não integrou a comitiva, sendo certo a sua ausência para o jogo de amanhã. O presidente Luís Filipe Vieira não viajou com a equipa, juntando-se apenas amanhã ao grupo encarnado.

A equipa do SL Benfica chega ao final da manhã a Paris, onde fará o treino de adaptação ao relvado do Parque dos Príncipes após a conferência de imprensa do treinador Jorge Jesus, e de um jogador encarnado a designar, às 17h00.
O SL Benfica venceu o PSG na Luz por 2-1, no jogo da primeira mão dos oitavos de final da Liga Europa.

fonte: Sapo

Trinta mil portugueses no Parque dos Príncipes


O Parque dos Príncipes vai vestir-se amanhã de encarnado, com a enorme falange de apoio que é esperada para a equipa de Jorge Jesus. Os números não são oficiais, e até parecem exagerados, mas os bilhetes para o jogo que opõe as águias ao PSG venderam-se em vários sítios da capital francesa e, segundo Daniel Silva, presidente do Sport Paris e Benfica, “prevê-se a presença de 30 mil benfiquistas” nas bancadas do Estádio, que tem capacidade para 46 mil pessoas.

Quem beneficiou com a enorme procura foi, curiosamente, o PSG, que viu aumentar o número de associados. “Muitos benfiquistas que conheço inscreveram-se como sócios do clube francês só para terem acesso ao bilhete do jogo. Desde o jogo em Estugarda, a procura foi muita e o PSG passou a ter mais sócios”, afirma a Record Daniel Silva, nascido em França mas filho de pais portugueses.

fonte: record

domingo, 13 de março de 2011

Miguel Vítor: «Tenho valor para substituir David Luiz»


Considerado uma das principais promessas da formação benfiquista, Miguel Vítor estreou-se na equipa principal com apenas 18 anos, era ainda capitão dos juniores. Ao segundo jogo estava a disputar a Liga dos Campeões (em Copenhaga), apresentando-se mesmo em Milão como titular. Seguiu-se um empréstimo ao Desp. Aves, para depois regressar à Luz sob o comando de Quique Flores, que nele apostou muitas vezes.

Com a chegada de Jorge Jesus passou a ser menos utilizado, e no início da presente temporada acabou por ser cedido ao Leicester, do segundo escalão inglês. «Tapado» muitas vezes por Luisão e David Luiz, na Luz, o internacional sub-21 português acredita que tem capacidade para ocupar o lugar que pertencia ao brasileiro transferido para o Chelsea. «Tenho valor para isso. Quando joguei não desiludi ninguém. Tenho valor para lutar por um lugar no onze», disse ao Maisfutebol, no dia em que fez o primeiro «bis» da carreira sénior.

O final da temporada aproxima-se a passos largos, mas Miguel Vítor prefere, para já, concentrar-se nos objectivos do Leicester, deixando a definição do futuro para depois. «Agora quero acabar bem a época, jogar a maioria dos jogos. Depois veremos o que é melhor, para mim e para o Benfica. É complicado responder nesta altura o que será melhor. Não preciso de provar nada a ninguém, pois as pessoas do clube conhecem-me.»

David Luiz
deixou a Luz em Janeiro, e o Benfica optou por contratar um central novo (Jardel), mas o jovem natural de Ponte de Rol compreende que a opção não tenha passado pela antecipação do seu regresso: «Também não sei se seria fácil chegar a acordo com o Leicester, para interromper o empréstimo. Entenderam que precisavam dele (Jardel), e tenho de aceitar.»

sexta-feira, 11 de março de 2011

Ruben Amorim: «Ganhar todas as finais»


A recuperar da cirurgia realizada em meados de janeiro, Ruben Amorim não quer adiantar prazos para o regresso embora tenha reforçado que se sente bem.

O jogador do Benfica é o rosto da campanha do 1.º Dia Nacional da Epilepsia e foi à margem dessa inicativa que falou sobre o processo de recuperação e da ambição do Benfica para o que falta da temporada.

"É muito difícil ficar de fora mas se Deus quiser será a última vez", disse Ruben Amorim, para quem o que mais importa agora "é continuar a fazer a fisioterapia para ficar melhor do que estava".

Para o futebolista do Benfica nesta altura é melhor não falar em datas para o regresso.
"O que eu quero é que o Benfica ganhe e jogue todas as finais. Não por mim mas pelo clube", frisou.

Rúben Amorim foi operado a 18 de janeiro a uma "tendinose rotuliana bilateral".

fonte: record

«Não faço ideia se voltarei a jogar esta época» - Rúben Amorim


O médio do Benfica, Rúben Amorim, diz que está a fazer a sua recuperação passo a passo mas admite não saber se voltará a jogar ainda esta temporada.

«Não faço ideia se jogarei ainda esta época. Estou a fazer a minha recuperação passo a passo para ficar melhor do que o que estava. É muito difícil estar de fora, não estava habituado. Mas quero que o Benfica ganhe e, se possível, jogue todas as finais que possa disputar», disse Rúben Amorim, que foi operado aos dois joelhos.

O médio falou à margem de uma iniciativa da Associação Portuguesa de Familiares e Amigos de Pessoas com Epilepsia que decorreu esta manhã na Estação de Santa Apolónia, em Lisboa.

quinta-feira, 10 de março de 2011

Ruben Amorim é o embaixador do Dia da Epilepsia


Ruben Amorim é o embaixador do Dia da Epilepsia, numa acção que vai acontecer na sexta-feira, com o nome «Tour da Epilepsia – 12H sob Carris».

Esta tour consiste numa viagem de comboio que parte de Lisboa, passa por Coimbra e tem como destino a cidade do Porto.
 
Ao longo dessa viagem, médicos e pacientes vão debater esta doença e partilhar experiências.
fonte: diário digital

terça-feira, 8 de março de 2011

Inglaterra: Chelsea vence com Bosingwa e David Luiz


O Chelsea derrotou esta segunda-feira o Blackpool por 3-1, em jogo da 29ª jornada do campeonato inglês.
Os golos da turma de Londres foram apontados pelos capitães de equipa: John Terry abriu o marcador aos vinte minutos e, já na segunda parte, num espaço de três minutos Frank Lampard apontou mais dois golos, o primeiro na marcação de uma grande penalidade.

Bosingwa, David Luiz e Ramires foram titulares (Paulo Ferreira não saiu do banco) e foi precisamente numa perda de bola de Bosingwa que surgiu, já perto do final, o tento de honra do Blackpool, da autoria de Jason Puncheon.

Com este triunfo, o Chelsea reduziu a distância para nove pontos em relação ao Manchester United - que tem mais um jogo realizado - e continua no quarto lugar.

sábado, 5 de março de 2011

Aimar continua em tratamento


Pablo Aimar continua a fazer tratamento à lesão contraída no jogo com o Sporting e mantém-se em dúvida para a deslocação ao Minho, onde o Benfica vai defrontar o Sporting de Braga.

Para além do argentino, César Peixoto e Ruben Amorim continuam a cargo do gabinete clínico, embora o esquerdino tenha feito treino condicionado e Ruben Amorim tenha realizado tratamento e feito trabalho de ginásio.

O plantel dos campeões nacionais volta a reunir-se este sábado de manhã às 10h30, num treino que será à porta fechada e em que Jorge Jesus irá antever o jogo com o Sporting de Braga no final

Chelsea: David Luiz está em dúvida para o jogo frente ao Blackpool



David Luiz central ao serviço do Chelsea é dúvida para a partida da próxima segunda-feira com o Blackpool por impedimento muscular.

“Tivemos um problema com David Luiz após o jogo com o Manchester United. Ainda não treinou esta semana mas espero que possa fazê-lo amanhã”, disse Carlo Ancelotti na conferência de imprensa que antecede a partida de domingo.

O técnico transalpino comentou a adaptação de David Luiz a Stamford Bridge:
“Tem mostrado uma capacidade fantástica. Ofensivamente, consegue efectuar bem um passe e levar a bola para a frente sem problemas. Também consegue rematar bem à baliza. Mas penso que pode ainda melhor em termos defensivos. Ele precisa conhecer o futebol inglês e ser mais calmo em campo. Com experiência, pode e vai melhorar esse aspecto”, atirou.

fonte: ojogo

NBA vai a Londres, e David Luiz se diverte com mascote dos Raptors


A NBA arrumou as malas e cruzou o Atlântico. Pela primeira vez na história, um jogo válido pela temporada regular foi disputado na Europa. Nesta sexta-feira, o New Jersey Nets derrotou o Toronto Raptors de Leandrinho na O2 Arena, em Londres, por 116 a 103. Com as duas equipes em má fase, o jogo valeu pelo espetáculo e atraiu convidados ilustres, como o zagueiro brasileiro David Luiz, do Chelsea, convocado nesta quinta-feira por Mano Menezes para o amistoso da Seleção contra a Escócia, no dia 27. À vontade na plateia, o jogador, que já foi comparado a Anderson Varejão por causa da cabeleira, se divertiu com a mascote dos Raptors.

fonte: Globo Esporte

sexta-feira, 4 de março de 2011

David Luiz, futura referência mundial

DAVID LUIZ, FUTURA REFERÊNCIA MUNDIAL

Carlo Ancelotti considera que David Luiz poderá tornar-se o melhor futebolista mundial
Após a estreia de David Luiz a marcar com a camisola do Chelsea, ante o Manchester United, o seu técnico, Carlo Ancelotti, deixou a forte convicção de que o central brasileiro poderá vir a tornar-se o melhor defesa central à escala mundial, numa fase em que parece ter conhecido uma adaptação fácil a Stamford Bridge.

Nestas primeiras partidas ao serviço dos 'blues, David Luiz tem exibido a pujança que o tornou cobiçado no Benfica, deixando agora no futebol inglês indicações firmes do seu valor ao serviço do Chelsea, onde o poder de impulsão de David Luiz tem impressionado os adeptos e responsáveis londrinos.

Todo o 'universo Chelsea' viu o internacional brasileiro superiorizar-se ao poderoso ataque do Manchester United, tendo efectuado uma marcação exímia ao credenciado Wayne Rooney, o que servirá como forte imagem de marca para a sua afirmação no futebol inglês.

Parece estar justificada o elevado valor empregue na sua contratação, num acordo que acabou por se ver algo camuflado por um negócio ainda mais milionário que o seu, também levado a cabo pelos 'blues' por Fernando Torres, o que poderá ter levantado alguma pressão sobre o futebolista, que terminou com o período de crise vivido no centro da defesa dos 'blues', que no par de meses Outubro/Novembro ansiava com desespero a contratação de um defesa muito mais do que um novo avançado.

Essa necessidade foi sempre vincada por Carlo Ancelotti, que verá em David Luiz a sua nova conquista que ofereceu estabilidade e frescura ao sector mais recuado da equipa, constituindo-se com toda a certeza o grande reforço de Janeiro para os 'blues'.

Atributos de David Luiz levam-no a marcar a diferença na defesa do ChelseaOlhado inicialmente com alguma desconfiança, David Luiz tornou-se de imediato a grande sensação da defesa dos 'blues', merecendo os elogios do seu técnico, que mais do que impressionado s se encontra plenamente convencido das suas capacidades, tendo a sua competência nas saídas com a bola dominada, que lhe possibilita uma visível facilidade em contribuir para uma superior limpeza e gestão no eixo, tornando-se um dos primeiros focos de construção na equipa.A injecção de todas estas capacidades revelou-se essencial para colmatar competências em falta na equipa, algumas gritantes num clube de topo como o Chelsea, que passava pela falta de velocidade no sector.

Quem observa um encontro de David Luiz encontra um defensor que conheceu uma incrível evolução, parecendo agora a milhas de distância do promissor mas ainda 'verde' defensor que chegava como desconhecido ao futebol português, conseguindo a proeza de marcar a diferença numa situação que não parecia propício à situação que a sua carreira atravessava na altura, tendo sido colocado de forma repentina na Liga portuguesa quando pouco havia experienciado no seu país natal.

A sua aposta no futebol português, ao qual chegou por empréstimo, apresentou-se um total sucesso, tendo a sua classe sido certamente uma razão ainda mais forte que a sua conhecida fé em Deus, tendo recorrido a todas as suas competências físicas e psicológicas, essas inerentes a uma educação serena dada pelos seus pais, ambos professores, que ajudaram a criar um central equilibrado que poderá mesmo representar um fenómeno.

Contudo, a sua experiência nula num clube com responsabilidade e ambição de conquistar o Mundo como o Chelsea levará a que tenha de continuar a trabalhar duro para corrigir algumas imperfeições como a sua impetuosidade por vezes excessiva, que a ser ultrapassada tornará, como prevê Ancelotti, David Luiz numa referência internacional, uma vez que em termos de entrega ao jogo o brasileiro já nada terá a justificar.

fonte: Academia de Talentos

Três meses sempre a ganhar


Vitória em Braga prolongará registo imaculado desde 7 de Dezembro. Marco histórico e importante factor motivacional para confirmar domingo, na «Pedreira» Vice-campeão é teste.

Um registo para recordar para muitos anos: três meses consecutivos sempre a ganhar - com 100 por cento de vitórias, divididas por quatro provas (Campeonato, Liga Europa, Taça da Liga e Taça de Portugal) - em caso de nova vitória, domingo, em Braga, é a meta histórica que acicata ainda mais o Benfica de Jorge Jesus para tentar o 19.º triunfo consecutivo de rajada.
O tempo passou num instante, com os adeptos a festejarem golos e vitórias em catadupa, mas completam-se segunda-feira (dia 7) precisamente três meses desde a última derrota do campeão nacional esta temporada: 1-2, na Luz, diante do Schalke 04, na despedida da Champions.

A partir daí, a águia arrancou para esta série imparável, que já vai em 18 vitórias consecutivas e que, caso os encarnados suplantem com sucesso o vice-campeão nacional, nesta próxima jornada (22.ª) da Liga, na pedreira, consagrará três meses com 100 por cento de aproveitamento.

fonte: ABola

quinta-feira, 3 de março de 2011

Mano covocou Seleção Brasileira


O técnico Mano Menezes, reunido desde 10h30 com os integrantes da comissão técnica no Hotel Sheraton Rio, convocou nesta quinta-feira 24 jogadores para o amistoso contra a Escócia que acontecerá no dia 27 de março, no Emirates Stadium, em Londres.

Veja a relação de convocados:
Julio Cesar - Internazionale
Jefferson - Botafogo
Victor - Grêmio
Daniel Alves - Barcelona
Maicon - Internazionale
André Santos - Fenerbahçe
Marcelo - Real Madrid
Lúcio - Internazionale
Thiago Silva - Milan
David Luiz - Chelsea
Luisão - Benfica
Lucas Leiva - Liverpool
Ramires - Chelsea
Elias - Atlético de Madrid
Sandro - Tottenham
Elano - Santos
Henrique - Cruzeiro
Lucas - São Paulo
Renato Augusto - Bayer Leverkusen
Jadson - Shaktar Donetsk
Alexandre Pato - Milan
Nilmar - Villareal
Neymar - Santos
Jonas - Valencia

As confissões de David Luiz


David Luiz e Fernando Torres são as figuras de capa na edição de Março da revista oficial do Chelsea. O antigo defesa do Benfica apresenta-se aos adeptos do clube inglês e diz que quer ganhar muitos títulos.

"Sou um privilegiado por ter trocado um grande clube como o Benfica por outro grande clube, o Chelsea. O meu objectivo é ajudar à conquista de muitos títulos. Mas é importante continuar com os pés bem assentes na terra e serei sempre a mesma pessoa, independentemente do clube onde estiver", assegura o internacional brasileiro, que trocou a Luz por Stamford Bridge em Janeiro, a troco de 25 milhões de euros.

O pai do defesa, Ladislau Marinho, é o seu grande ídolo. "É um espelho, inspiro-me muito nele. O meu pai jogava como número 10 e foi nessa posição que eu actuei até aos 16 anos. Só depois é que recuei no terreno", diz.

A infância de David Luiz não foi fácil. "Cresci numa cidade brasileira um pouco problemática, mas felizmente os meus pais sempre me conseguiram proporcionar tudo o que era preciso a mim e à minha irmã. Jogávamos muitas vezes à bola todos juntos", recorda.

Quanto a Fernando Torres, que chegou do Liverpool na mesma altura que David Luiz, diz que a entrada no Chelsea "foi como regressar à escola". E confessa-se ávido de títulos a nível de clubes, depois de se ter sagrado campeão europeu e mundial pela selecção espanhola. "Sou um privilegiado por ter conquistado essas duas grandes competições, mas agora alcançar o mesmo no Chelsea", deseja.

fonte: Relvado

Música de David Luiz no Chelsea

Chelsea: David Luiz sente-se “privilegiado”



O internacional brasileiro divide com Fernando Torres a capa do último número da revista oficial do emblema londrino, aproveitando para se dar a conhecer a todos os sócios e adeptos dos “blues”.

“Sou muito privilegiado por trocar um grande clube como o Benfica por outro grande clube como o Chelsea, que espero ajudar a conquistar muitos troféus. Mas é importante manter os pés no chão, ser sempre a mesma pessoa, jogue por quem jogar”.

Recorde-se que David Luiz trocou o Benfica pelo Chelsea, em Janeiro, transferência que rendeu 25 milhões de euros aos cofres da luz, mais a cedência médio Nemanja Matic.

terça-feira, 1 de março de 2011

Foto da Gala do Benfica

Golo de David Luiz pelo Chelsea frente ao Man.Unit. aos 54 min

http://www.youtube.com/watch?v=gElvtL6cMSo  (pedimos desculpa mas não o conseguimos meter aqui, pois não dá para incorporar).

David Luiz marca e Chelsea ganha


O ex-jogador do Benfica David Luiz marcou esta terça-feira o primeiro golo do Chelsea diante o Manchester United, em jogo em atraso da 18.ª jornada da Liga inglesa, obrigando os red devils a marcar passo na luta pelo título, que terminou com o triunfo dos blues por 2-1.
O United adiantou-se no marcador aos 30 minutos com um fenomenal golo de Rooney. O avançado inglês recebeu uma bola endossada pelo internacional português Nani, rodou sobre si próprio, tirando dois adversários da frente, e de fora da área fulminou Petr Cech.

A equipa de Londres acusou o toque e procurou reagir mas só chegou ao golo na segunda parte. David Luiz, aos 54 minutos, dentro da grande área, à meia volta, não deu qualquer hipótese ao holandês van der Sar, que na primeira parte tinha tirado o «pão da boca» a Ivanovic.
Rooney viria a ter novamente a oportunidade de marcar, mas desta vez não teve engenho para introduzir a bola na baliza.

O Chelsea agradeceu e selou a contagem aos 79 minutos por Frank Lampard, que converteu uma grande penalidade a castigar falta de Smalling sobre Zhirkov, selando assim a 23.ª vitória do Chelsea diante do Manchester United.

Nos 70 jogos entre dois emblemas destaque para os 29 triunfos do Manchester e os 18 empates.

Antes do final, David Luiz poderia ter sido expulso ao derrubar Rooney, mas o árbitro «poupou» o segundo cartão amarelo do encontro ao brasileiro. O treinador do Chelsea Carlo Ancelotti percebeu o perigo que corria e aos 81 minutos trocou o central pelo português José Bosingwa.

Vidic, aos 90+3, por falta sobre Ramires, viu o segundo cartão amarelo e a consequente expulsão deixando o United reduzido a 10.

fonte: ABola

David Luiz: “O Benfica entra no nosso coração e nunca mais sai”


Embora tenha deixado recentemente o Benfica para rumar ao Chelsea, David Luiz não deixou passar o aniversário do Clube em claro e fez questão de se unir a uma Família da qual fará sempre parte: A Família Benfiquista! Leia a carta do central brasileiro na íntegra.

“Caros amigos,
Esta foi a forma que encontrei para, não podendo estar presente, poder, pelo menos, partilhar com vocês o que foram os últimos quatro anos da minha vida, o que representaram no meu crescimento e amadurecimento como homem e atleta.

Aprendi a amar o Benfica porque nesta caminhada vivi vitórias e derrotas, alegrias e tristezas, mas, fosse qual fosse o momento, nunca me senti sozinho. Sempre tive com quem partilhar todos os sentimentos, fosse dentro de campo ou fora dele, porque o Benfica entra no nosso coração e nunca mais sai. Por isso levei, levo e levarei sempre o Benfica no coração.

O Benfica é paixão, garra, cumplicidade, amizade, companheirismo, respeito, lealdade, conquista... Enfim, Benfica é parte da minha vida e nenhuma palavra consegue expressar a real grandeza deste Clube.

Quero, na pessoa do presidente, agradecer a todos os adeptos e funcionários do Clube o privilégio que me deram de poder fazer parte desta enorme Família Benfiquista. Agradecer, ainda, a todos os meus companheiros tudo o que partilharam comigo e dizer-lhes que continuo a acreditar que podem ganhar tudo!

Não era, aprendi a ser e sou um eterno Benfiquista; obrigado a todos do fundo do meu coração
!

Parabéns pelos 107 anos de muito carácter! O Benfica é único e sempre será o nosso Glorioso.”
David Luiz 23

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

107 anos!

Hoje o nosso Benfica faz 107 anos, e em 107 anos, fomos sempre os melhores,contra tudo e contra todos. E é com a maior das certezas que podemos dizer, Benfica és o nosso ORGULHO.

PARABÉNS GLORIOSO!

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Fábio Coentrão garante vitória ao cair do pano

O Benfica sentiu muitos problemas para garantir a vitória, na Luz, este domingo, frente ao Marítimo (2-1). Fábio Coentrão foi a principal figura ao marcar o golo decisivo no período de compensações.

O Marítimo entrou na Luz com a missão bem estudada e impôs muitas dificuldades aos jogadores do Benfica. A equipa insular apresentou-se sólida na defesa e rápida no contra-ataque. Essa situação causou problemas à equipa encarnada, que também apresentou alguma fadiga.

Ainda assim, na primeira parte o Benfica teve uma clara oportunidade para marcar, com o argentino Gaitán a rematar ao poste. Depois, na etapa complementar, a pressão encarnada aumentou, mas o guarda-redes Marcelo, autor de uma boa exibição, foi evitando o pior.

O Marítimo, aos 77 minutos, acabou por chegar ao golo. Na sequência de um canto, Robson fez o desvio inicial e Djalma rematou com êxito. Cinco minutos depois surgiu a resposta do Benfica, com Fábio Coentrão, a principal «estrela» do jogo, a cruzar de primeira para o desvio, ao segundo poste de, Salvio, que prossegue a sua veia goleadora.

A intensidade e pressão foi aumentando, o tempo escasseando, mas no quinto minuto do período de compensações o Benfica chegou à vitória. Após vários ressaltos na área do Marítimo, Fábio Coentrão surgiu sem marcação e aplicou um forte remate, sem que Marcelo conseguisse evitar o pior.

Após este resultado, o Benfica permanece a oito pontos do líder, o FC Porto.

Clique aqui para consultar a ficha de jogo, as incidências da partida, os comentários, as estatísticas individuais e as estatísticas de equipa.
fonte: ABola

Rúben Amorim em acção de solidariedade

Foi na véspera de fazer sete anos que Débora realizou o seu maior sonho. Se nestas idades o mais comum é pedirem Barbies e Nenucos, o desejo desta menina era no minimo invulgar: "Gostava muito de nadar numa piscina, nunca vi nenhuma a não ser na televisão." E foi o jogador Rúben Amorim - e o seu projecto sorrisos perfeitos - que proporcionaram a Débora um dos dias mais felizes da sua vida.

"Para a maioria das pessoas, ir à piscina é normal. Ver a felicidade da Débora e até o medo em entrar por não estar habituada, choca-nos, mas ao mesmo tempo dá-nos uma alegria enorme ver uma criança que não tem nada e que ainda quer levar o meu autógrafo aos colegas, para não se sentirem tristes. Isso é muito bonito." Referiu o médio do Benfica.

fonte: Nova Gente

Terry: «David Luiz é incrível»


David Luiz já conquistou tudo e todos em Londres. Apesar de apenas ter alinhado em dois jogos (Liverpool e Fulham), em Stamford Bridge já nem ninguém desconfia das capacidades do defesa central contratado em janeiro ao Benfica.

Depois das palavras de Carlo Ancelotti, agora é a vez de John Terry, habitual capitão dos blues, expressar a sua admiração e satisfação por ter o defesa canarinho no plantel.
"O David Luiz é incrível. Pode jogar no meio-campo, a defesa direito e esquerdo, como fazia no Benfica. É muito confiante e acredita bastante nas suas capacidades", comentou, na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Man Utd.

John Terry admite que com a entrada de David Luiz e Torres a competitividade no plantel aumentou. "O plantel precisava de um pouco de concorrência e com as entradas de David Luiz e Fernando Torres certamente que ela agora existe. Agora temos alguém que está a lutar por nos 'roubar' o lugar", explicou.
"Quando os vemos ficar mais tempo no centro de treinos, temos mesmo de ficar lá com eles porque não queremos perder nada. É muito bom tê-los por cá porque são dois jovens que querem ganhar títulos e querem aprender sempre mais. Dá-nos sempre vontade de também ficar mais um tempo e trabalhar ainda mais", acrescentou.

«Um jogo para ganhar»

Terça-feira é dia de jogo grande com o Manchester United, um encontro que é o tudo ou nada para os homens da capital inglesa em termos de Liga inglesa.
"É um jogo que temos mesmo de vencer e os adeptos vão estar lá para torcer por nós. Se conseguirmos vencer talvez consigamos colocar alguma pressão nas equipas que estão à nossa volta", concluiu.

fonte: Record

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

'Inseparáveis', David Luiz e Ramires recebem carinho dos fãs do Chelsea


A fase dos Chelsea definitivamente não é das melhores. Mas a desconfiança dos torcedores dos Blues com o time não passa nem perto do zagueiro David Luiz e do meia Ramires. Os brasileiros estiveram quinta-feira na loja oficial do clube londrino, no estádio Stamford Bridge, para uma tarde de autógrafos com os torcedores e receberam o carinho de cerca de 250 pessoas, a maioria crianças.

- Esse carinho é a melhor coisa que existe. O futebol move o sentimento das pessoas. É ótimo participar destas iniciativas, poder estar mais perto do torcedor e saber o quanto a gente é querido - disse o zagueiro, que acabou de trocar o Benfica pelo Chelsea por € 25 milhões (R$ 57 milhões).

Se o Chelsea não vive seus melhores dias (ocupa a quinta colocação no Campeonato Inglês e segue com chances reais de título apenas na Liga dos Campeões), a parceria entre David Luiz e Ramires vive o auge de suas carreiras. Ex-companheiros de Benfica, os atuais jogadores dos Blues são titulares absolutos de Mano Menezes na Seleção Brasileira: são dois dos dez atletas lembrados em todas as convocações do treinador até agora.

- Estamos sempre juntos, nós construímos uma boa amizade. Passamos ótimos momentos em Portugal, tenho certeza que passaremos vários outros aqui na Inglaterra e quem sabe não seguimos juntos por muito mais tempo também na seleção - afirmou Ramires.

Quando o ex-cruzeirense chegou ao Benfica, em julho de 2009, David Luiz já estava no clube português havia três anos. E foi um dos principais responsáveis pela adaptação de Ramires em Lisboa. Agora, na capital inglesa, os papéis se inverteram.

- O futebol tem estas histórias curiosas. O Ramires está me mostrando como é o dia a dia do Chelsea, assim como fiz com ele em Portugal. Ele é mais que um companheiro de trabalho, é um amigo que faz tudo de coração por mim. É bonito quando a gente tem pessoas assim em nossas vidas - contou David.

Fãs pagam R$ 45 para ver os brasileiros
O evento organizado pelo Chelsea recebeu o nome de “Meninos do Brasil”. Os torcedores precisavam comprar um livro específico do clube, chamado “Jogue como o Chelsea”, pelo equivalente a R$ 45,00, para ter o direito de pegar uma senha para a fila.

- Cheguei com cinco horas de antecedência. Sou fã dos brasileiros e quero uma foto com eles -  disse Marc Brandon, de 12 anos de idade, o primeiro da fila.

Em uma hora e 25 minutos, Ramires e David Luiz atenderam pacientemente todos os presentes. Fotos, sorrisos e autógrafos com direito a dedicatória.

- Chegamos há pouco tempo e queremos fazer história aqui - resumiu Ramires.

- Vou trabalhar para aperfeiçoar minhas qualidades e deixar meu nome na história do Chelsea -  completou David Luiz.

O terceiro brasileiro do Chelsea, o zagueiro Alex, não compareceu ao evento pois está no Brasil terminando o tratamento de uma lesão no joelho.


fonte: globo esporte

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Benfica vence Estugarda (2-0) e está nos oitavos-de-final


O Benfica venceu esta noite o Estugarda, na Alemanha, por 2-0, confirmando a passagem aos oitavos-de-final da Liga Europa, depois da vitória no Estádio da Luz, por 2-1, na primeira mão. Segue-se agora o Paris Saint-Germain no caminho dos encarnados.

Num jogo inteligente dos encarnados, e depois de duas oportunidades claras de golo, Salvio, à passagem da meia hora, aproveitou um ressalto no canto marcado por Aimar para, de meia distância, adiantar os encarnados no marcador.

Com uma vantagem confortável na eliminatória, o Benfica geriu da melhor forma o jogo, dominando em todos os capítulos e apresentando uma equipa solidária que raramente concedeu espaços e oportunidades ao Estugarda.

Aproveitando o adiantamento dos alemães, o Benfica criou mais uma mão cheia de oportunidades, quase todas em contra-ataque, mas acabaria por ser de livre que Cardozo, aos 78 minutos, deixou novamente a sua marca na Liga Europa.

Vitória justíssima do Benfica na Alemanha, a primeira da história dos encarnados naquele país. Agora, nos oitavos-de-final, o Benfica encontra o Paris Saint-Germain, que empatou a zero frente ao BATE Borisov no Parque dos Príncipes, depois do 2-2 na Bielorrússia.

fonte: abola

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011